Formação na Paróquia São João Batista no Município de Poxoreo – MT

Formação na Paróquia São João Batista no Município de Poxoreo – MT


Nesta sexta-feira, aconteceu a primeira Formação na Paróquia São João Batista em Poxoreo – MT, com apoio de nosso Assessor Diocesano – da Diocese de Primavera do Leste - MT, Padre Antonio Soares de Araujo e de nossa Coordenadora Paroquial Ivania Pereira. Agradecemos ainda ao Padre Alexandre Umbelino Pereira e Padre Reinaldo que se fez presente na formação.
Formação em parceria da Secretaria Municipal de Saúde de Poxoreo – através de sua secretaria Catia Lina de Souza Lino e da Secretaria Municipal de Saúde de Primavera do Leste – através da Secretaria de Saúde – Laura Leandra Moraes Portela com presença e apoio do Coordenador do CTA de Primavera do Leste Antonio Marcos Moreira Aguillar
Jesus usa o verbo “ir”. “Ide e fazei discípulos meus todos os povos” (Mt 28,19). O Papa afirma: “Fiel ao modelo do Mestre, é vital que hoje a Igreja saia para anunciar o Evento a todos, em todos os lugares e, em todas as ocasiões, sem demora, sem repugnâncias e sem medo. E hoje novos agentes estão formados com a missão de acolher, acompanhar, evangelizar e defender a vida.

Formação Diocesana da Pastoral da AIDS na Diocese de Rondonópolis - Regional Oeste 2

A semana começou bem produtiva para os agentes da Pastoral da Aids!
Estivemos, nesta terça (17) na Diocese de Rondonópolis, com o 1°Encontro de Formação Diocesana. Participaram missionários de duas paróquias, juntamente com o Padre Gunter, que organizou esta belíssima formação.
Agora poderão começar caminhar como Pastoral Da Aids, com a missão de acolher, evangelizar, conscientizar e principalmente lutar pela Vida! Pela dignidade humana! Somos uma Igreja em Saída! "Ir aos que se encontram nas periferias geográficas e existenciais, rompendo com uma atitude de auto preservação". Papa Francisco.

I FORMAÇÃO PARA AGENTES DA PASTORAL DA AIDS EM 2018, NOS DIAS 23 A 25 DE FEVEREIRO DE 2018, EM PRIMAVERA DO LESTE

                         CONVOCAÇÃO DE FORMAÇÃO DE AGENTES
                           PASTORAL DA AIDS - REGIONAL OESTE 2
                                     EM PRIMAVERA DO LESTE -MT



O cristão é chamado a ver naqueles que sofrem o próprio rosto de Jesus: “Eu estava doente e vocês me visitaram!” (Mt 25)

Como forma estratégica de ampliarmos a Pastoral da AIDS em nossa Regional, realizaremos a I Sensibilização e Formação para Agentes da Pastoral da AIDS em 2018, nos dias 23 a 25 de Fevereiro de 2018, no Terceiro Milênio em Primavera do Leste, no intuito de sensibilizar os cristãos da sua Paróquia, para se tornarem agentes multiplicadores de solidariedade, onde solicitamos o seu apoio na divulgação e no encaminhamento de novos agentes multiplicadores.

Solicitamos e ressaltamos a importância do envio de leigos/leigas para esta formação, para que assim juntos possamos construir uma agenda para articular em sua Diocese, sua paróquia a implantação da Pastoral da AIDS.

A AIDS é uma das mais sérias crises de saúde de nosso tempo. Sabemos que ela traz consigo não apenas questões de saúde, mas também vulnerabilidade econômica, social, moral e espiritual de grande relevância.

Nossa Igreja é chamada a ser uma comunidade de cura em meio à dor e ao sofrimento, qualquer que seja sua natureza ou causa. Sabemos que a Igreja tem compromisso de consolar (2Cor 1, 3-5), reconciliar (2Co 5, 19), amar (1Co 13) e ministrar (Mt 25, 35-37). Os cristãos, por sua vez, são chamados a acolher todos com amor e compaixão. Isso significa solidarizar-se com o sofrimento dos outros, mostrar- lhes aceitação incondicional e exortar o mundo a que siga o exemplo de nosso Senhor Jesus Cristo.

Sendo nosso chamado, enquanto Igreja Viva, de socorrer os que sofrem, devemos ajudar as pessoas a enfrentarem a possibilidade e a realidade da infecção pelo HIV, dar apoio não somente a elas, mas sua família, integrá-los na comunidade como um todo, lutar contra todo tipo de preconceitos e discriminações, celebrar a vida e recordar a morte das pessoas com AIDS, contribuindo com o apoio e acalanto espiritual as famílias enlutadas por essa epidemia mundial.


Em meio a essa missão, como discípulos de Jesus, de termos um olhar específico sobre as pessoas humanas e sua realidade, surge o trabalho da Pastoral da AIDS, assumida plenamente pela CNBB durante a Assembléia de 2003, quando os Bispos votaram o seguinte texto: “A Igreja assume o serviço de prevenção ao HIV e assistência a soropositivos e, sem preconceitos, acolhe, acompanha e defende os direitos daqueles e daquelas que foram infectadas pelo vírus da Aids. Faz também um trabalho de prevenção pela conscientização dos valores evangélicos, sendo presença misericordiosa e promovendo a vida como bem maior” (Diretrizes Gerais da CNBB, nº123).

A Pastoral da AIDS segue a organização da Igreja do Brasil, com regionais, dioceses, paróquias e comunidades. É composta por agentes capacitados e por equipes de coordenação que vão implementando o serviço de informação e assistência na base. Esses agentes de Pastoral têm o papel de educar os cristãos para a vivência dos valores evangélicos e dialogar com todas as pessoas de boa vontade que lutam contra a epidemia da AIDS para ampliar o serviço de prevenção e solidariedade.


Sua missão é em comunhão com a Igreja, evangelizar homens e mulheres. Atenta às necessidades das pessoas que vivem com HIV, trabalhar na prevenção e contribuir com a sociedade na contenção da epidemia, envolvendo todos os cristãos na luta contra a AIDS.


Tomando as palavras de nosso Bispo Presidente Referencial da Pastoral da AIDS, Dom Eugênio Rixen: Que Deus, o autor da vida, nos inspire o desejo ardente de defender a vida como bem maior e o compromisso de solidariedade como razão de nossa existência!

Não perca esta oportunidade, participe conosco.

Maviane de Fatima Damitz
Coordenadora Regional Oeste 2
Email: maviane_@hotmail.com
(66) 99998-2597

XV Seminário de Prevenção ao HIV 20 a 22 de Outubro de 2017 - Rio de Janeiro



"Promover a Prevenção, Garantindo o Cuidado", foi o tema do XV Seminário de Prevenção ao HIV, promovido pela Pastoral da AIDS na cidade do Rio de Janeiro no período de 20 a 22 de Outubro de 2017.
Com a participação de vários Agentes do Brasil e convidados, os assuntos abordados deram ênfase ao serviço do "Cuidar", desde a avaliação da Estratégia 90-90-90 proferida pelo Ministério da Saúde aos avanços e limites das estratégias de trabalho para o SUS.
O diálogo dos participantes, com as apresentações dos painéis do acompanhamento as pessoas que vivem com HIV mostraram como é possível fazer o enfrentamento da epidemia por meio das campanhas de prevenção e incentivo do cuidado.
Os momentos de espiritualidade também visaram a força que o agente da Pastoral precisa para continuar no serviço.
Nós últimos momentos do evento os agentes puderam debater nos grupos de trabalho quais as possibilidades de intensificar e o que é possível inovar no trabalho da pastoral nos aspectos da prevenção e do cuidado.
Por fim, a aprovação do documento oficial do evento, que dá ênfase com as sugestões dos agentes assim como a apresentação do material que será usado na campanha de 1° de dezembro (que logo será divulgado) os agentes e convidados tiveram o prazer de compartilhar o que a Pastoral da AIDS tanto vincula em todo seu trabalho. O acolhimento, a informação e o compromisso social.













PASTORAL DA AIDS REALIZA O 15º SEMINÁRIO NACIONAL DE PREVENÇÃO

O 15º Seminário Nacional de Prevenção ao HIV será realizado de 20 a 22 de outubro de 2017, no CEFEC-Centro de Formação e Espiritualidade Cabriniana - Rua Conde de Bonfim, 1305 - Tijuca – Rio de Janeiro/RJ com o tema “Promover a prevenção, garantindo o cuidado”. Esta edição tem como o objetivo de analisar a atual conjuntura do enfrentamento da Aids no Brasil observando a promoção da prevenção combinada rumo a meta 90-90-90, garantia do tratamento humanizado pelo SUS e o cuidado integral da pessoa humana.
Vivemos um cenário mundial dinâmico em que, 19,5 milhões dos 36,7 milhões de pessoas vivendo com HIV tiveram acesso ao tratamento e mortes relacionadas à AIDS caíram de 1,9 milhão em 2005 para 1 milhão até o final de 2016. Segundo o relatório, “Acabando com a AIDS: progresso rumo às metas 90–90–90”, disponibilizado pelo Programa das Nações Unidas sobre HIV – UNAIDS, em 2016, mais de dois terços (84%) das pessoas vivendo com HIV conhecem seu estado sorológico positivo. Das pessoas diagnosticadas HIV positivas, 79% estão vinculadas aos serviços, e das pessoas em tratamento, 91% tem carga viral indetectável devido a adesão ao tratamento. Globalmente, o progresso tem sido significativo, mas ainda há muito trabalho a ser feito. Cerca de 26% das pessoas vivendo com HIV ainda não conhecem o seu estado sorológico positivo, aproximadamente 17,1 milhões de pessoas vivendo com HIV não têm acesso à terapia antirretroviral e mais de metade de todas as pessoas que vivem com HIV não tem carga viral indetectável. 
Segundo o site da Agência Brasil, o Ministério da Saúde estima que 830 mil pessoas vivem com HIV/aids no Brasil até 2016. Dessas, cerca de 136 mil não sabem que estão infectados. E do total dessas pessoas soropositivas, 372 mil ainda não estão em tratamento, apesar de 260 mil delas já saberem que estão infectadas.
O Papa Francisco chama a atenção para o cuidado de nossa casa comum e a necessidade de uma conversão integral. “As atitudes que dificultam encontrar caminhos de solução, mesmo entre os crentes, vão desde a negação do problema à indiferença, da resignação acomodada à confiança cega nas soluções técnicas. Precisamos de uma nova solidariedade universal”. Deste modo o sumo Pontífice nos aponta caminhos para vencer os desafios que ameaçam a vida e nos fortalece na garantia do cuidado. 


Pe. Mauro Sergio Marçal                           Ana Carolina Barbosa de Souza             
Assessor Nacional da Pastoral da Aids      Secretária da Pastoral da Aids